sábado, 19 de abril de 2014

Vereador paraibano perde o controle do carro e sofre acidente no Sertão da Paraíba

Ele estaria com outras três pessoas no carro, mas somente uma precisou ser socorrida pelo Corpo de Bombeiros e levada para o Hospital regional de Cajazeiras
Polícia | Em 19/04/14 às 11h14, atualizado em 19/04/14 às 11h16 | Por Redação
Reprodução/Folha do Sertão
Uma das quatro pessoas teve ferimentos mais graves
Um vereador da cidade de Cajazeiras sofreu um acidente na noite dessa sexta-feira (18) nas imediações do Distrito de Boqueirão, na região daquela cidade, que fica a 470 km de João Pessoa.

Ele teria perdido o controle em uma curva, o que provocou o capotamento do veículo. O vereador estaria com outras três pessoas no carro, mas somente uma precisou ser socorrida pelo Corpo de Bombeiros e levada para o Hospital regional de Cajazeiras.

Apesar disso, o estado de saúde desse passageiro não foi divulgado.

Polícia apreende cocaína e maconha na rodoviária de Campina Grande

Droga estava escondida dentro de um depurador de ar.
Mercadoria foi enviada do Paraná com nota fiscal.

Do G1 PB
Droga estava embalada e escondida dentro de eletrodoméstico (Foto: Tenente-coronel Livio Delgado/PM)Droga estava embalada e escondida dentro de eletrodoméstico (Foto: Tenente-coronel Livio Delgado/PM)
Uma operação conjunta entre as polícias Militar e Federal apreendeu 30kg de cocaína e 10kg de maconha na rodoviária de Campina Grande na noite desta sexta-feira (18). Segundo informações do comandante do 2º Batalhão da Polícia Militar, tenente-coronel Lívio Delgado, a droga estava armazenada dentro de um depurador de ar que foi enviado do Paraná para Campina Grande.
Três pessoas, sendo dois homens e uma mulher, foram presas por receber a mercadoria. A polícia vai usar a nota fiscal que veio com o produto para localizar quem enviou a droga para a Paraíba.

A denúncia de que a droga estaria dentro do eletrodoméstico foi feita à Polícia Militar, que pediu apoio à Polícia Federal. Os suspeitos foram levados para a delegacia para serem autuados e ouvidos.

Na casa dos presos, foram encontrados mais 300g de maconha. Um suspeito segue foragido e na casa dele foi encontrado um revóver calibre 38, além de comprovantes de depósito com valores em torno de R$ 12 mil.

sexta-feira, 18 de abril de 2014

Adolescente que matou o primo na Maré ajudou a família nas buscas pelo menino


Amigos e familiares carregam o caixão de Caio Foto: Roberto Moreyra
Cíntia Cruz
Tamanho do texto A A A
O menino Caio Henrique Santos da Silva, de 4 anos, assassinado pelo primo de 14 no Complexo da Maré, na última quarta-feira, foi enterrado na tarde desta sexta no Cemitério do Cacuia, na Ilha do Governador, na Zona Norte do Rio. Durante o sepultamento, Deusilene Costa Machado, de 37 anos, amiga da mãe de Caio e também moradora da Maré, contou que X., o menor que confessou o crime, chegou a ajudar nas buscas pela criança, dada como desaparecida até quinta-feira.
- Cheguei à noite e a Vanessa estava chorando muito, procurando o filho. Eu e minhas duas filhas (ambas adolescentes) começamos a ajudar, sempre com X. do lado. Olhamos tudo, mas não o encontramos. Num dado momento, eu disse para uma das meninas voltar pra casa da Vanessa e procurar o Caio lá. Aí o primo dele começou a insistir que já tinha olhado, que não tinha nada na casa.
Caio foi enterrado nesta sexta-feira
Caio foi enterrado nesta sexta-feira Foto: Roberto Moreyra
Mesmo assim, Deusilene orientou a filha a ir atrás de caio na residência, mas X. acompanhou a menina. Até então, o corpo de Caio, que seria levado para dentro da máquina de lavar da própria mãe, estava escondido atrás do armário em um dos quartos da casa. Enquanto a filha de Deusilene conferia o cômodo, o assassino passou todo o tempo na porta, observando.
- Minha filha contou que ele ficou de olho o tempo inteiro. Se ela achasse o corpo do Caio nesse momento, seria a segunda vítima - desabafou a ajudante de cozinha.
Vanessa Lima dos Santos, de 31 anos, mãe de Caio, se despede do filho
Vanessa Lima dos Santos, de 31 anos, mãe de Caio, se despede do filho Foto: Roberto Moreyra
Caio só seria encontrado no dia seguinte, no interior da máquina de lavar. Quem achou o corpo foi Anne Karolina Santos da Silva, de 13 anos, irmã do menino. Ao procurar uma peça de roupa, ela viu o pé da vítima.
- Nosso primo começou a dizer “não fui eu, não fui eu”, antes mesmo que a gente tivesse dito qualquer coisa. Ele praticamente assumiu a culpa ali - relatou a jovem.
Já Fábio Lima dos Santos, de 34 anos, tio de Caio e também do assassino confesso, afirmou que X. trouxe problemas à família desde muito cedo:
- Ele sempre foi muito cínico. Desde os 7 anos que dá problema, fugiu de casa porque tinha roubado. E a Vanessa o acolheu.
Caio Henrique Santos da Silva, de 4 anos, foi morto pelo primo
Caio Henrique Santos da Silva, de 4 anos, foi morto pelo primo Foto: Álbum de família


Leia mais: http://extra.globo.com/casos-de-policia/adolescente-que-matou-primo-na-mare-ajudou-familia-nas-buscas-pelo-menino-12238406.html#ixzz2zH7JF9o1

Polícia Militar prende casal com quase 50 pedras de crack na região metropolitana de JP


Polícia Militar prende casal com quase 50 pedras de crack na região metropolitana de JP
Nem no feriado da ‘Sexta-feira Santa’, o crime dá trégua.

No início desta tarde, a Polícia Militar foi acionada para averiguar denúncias de tráfico de drogas na cidade portuária de Cabedelo, na região metropolitana de João Pessoa.

Os policiais foram até o bairro do Jacaré e conseguiram prender Kércia Ferreira Nunes e Uewerton Ferreira Nunes. A idade da mulher não foi revelada, no entanto, o rapaz tem 18 anos.

casal portava quase 50 pedras de crack, o que caracteriza o crime de tráfico de drogas. Os jovens também estavam com dinheiro trocado e quatro aparelhos celulares.

A polícia informou que notou uma movimentação suspeita dos moradores de uma residência e decidiu realizar a abordagem. O crime foi constatado e o casal foi conduzido até a 7ª Delegacia Distrital, em Cabedelo.

PB Agora

Acidente na BR 230 deixa motoqueiro morto e carona ferido

Colisão aconteceu no quilômetro 145 em Campina Grande; motoqueiro morreu no local e o carona foi levado para um hospital da cidade
Polícia | Em 18/04/14 às 12h27, atualizado em 18/04/14 às 12h51 | Por Redação
Reprodução/ Facebook/ Emerson Machado
Acidente matou motoqueiro
Um acidente registrado na manhã desta sexta-feira (18) envolvendo uma motocicleta e um carro deixou o motoqueiro morto e o carona que vinha com ele ferido.
De acordo com informações da PRF, postadas através do Twitter, o acidente aconteceu por volta das 9h30 da manhã.
A colisão entre os dois veículos foi registrada no quilômetro 145, da rodovia em Campina Grande, no Agreste a 120 quilômetros da Capital.
A vítima ferida foi levara para o Hospital de Trauma de Campina Grande onde recebeu atendimento e já foi liberado.
A PRF está realizando a operação Semana Santa/Tiradentes nas rodovias federais que cortam o estado da Paraíba, desde a 00h dessa quinta-feira (17). O balanço geral das ocorrências só será divulgado ao fim da operação que termina as 23h59 da segunda-feira (21).

Chuvas no Sertão derrubam poste e fazem açude sangrar no Vale do Piancó

Precipitações atingiram mais de 100mm em cidade do Sertão; população comemora maior chuva caída este ano, que fez o açude que abastece os moradores sangrar
Cidades | Em 18/04/14 às 16h47, atualizado em 18/04/14 às 17h39 | Por Redação, com informações do Radar Sertanejo
Reprodução/ Radar Sertanejo
Chuvas encheram açudes no Sertão
Chuvas caídas na madrugada desta sexta-feira (18) em cidades do Sertão do Estado derrubaram poste de fiação elétrica e encheram açudes, um deles chegando a sangrar.
No município de Serra Grande, no Vale do Piancó, a 455 quilômentros da Capital, choveu cerca de 130 milímetros e o açude que abastece a cidade amanheceu sangrando, para a alegria dos moradores que estavam sendo abastecidos através de carros pipas. A população da cidade é de cerca de 3 mil habitantes.
No último monitoramento feito pela Agência Executiva de Gestão das Águas, o açude Cafundó, que tem capacidade para acumular 313.680 mm, estava no dia 1º deste mês, com 177. 693 mm, ou seja, com 56% da capacidade.  
De acordo com informações de moradores, o riacho do Saco, localizado na região, amanheceu cheio e a maioria dos pequenos açudes do município também teriam sangrado.
Em São José de Piranhas, a 503 quilômetros de João Pessoa, as chuvas caídas na madrugada chegaram a 63 mm e derrubaram um poste, danificando parte da rede elétrica. O acidente aconteceu na madrugada e por sorte não atingiu casas e ninguém ficou ferido.
O restabelecimento da energia só aconteceu ao meio dia desta sexta-feira.
Fiação elétrica foi danificada, sendo restabelecida só ao meio dia
Foto: Fiação elétrica foi danificada, sendo restabelecida só ao meio dia
CréditosReprodução/ Radar Sertanejo

Atividades religiosas na Semana Santa resgatam a fé em João Pessoa e Campina Grande

Comemorações da Semana Santa começaram desde o domingo passado, quando foi comemorado o Domingo de Ramos e devem seguir até este Domingo de Páscoa
Eventos | Em 17/04/14 às 16h46, atualizado em 17/04/14 às 17h47 | Por Redação
Reprodução/ovaledoribeira e Divirta-se uai 12
Programação inclui espetáculos e celebrações religiosas
As cidades de João Pessoa e Campina Grande deverão ser cobertas por grande demonstração de fé, religiosidade e devoção neste final de semana. As comemorações da Semana Santa começaram desde o domingo passado, quando foi comemorado o Domingo de Ramos e devem seguir até este Domingo de Páscoa, com a celebração da Ressurreição.
JOÃO PESSOA
Em João Pessoa, os fiéis não vão precisar sair da Capital paraibana para participarem dos cultos religiosos de Páscoa. Além da programação de atividades paroquiais, os pessoenses vão assistir às apresentações do espetáculo A Paixão de Cristo, em vários bairros da cidade. O espetáculo é uma produção que reúne centenas de artistas, entre atores e bailarinos. São dois palcos montados no Ponto de Cem Réis, com 1,5 e 3 metros de altura para receber a produção que já tem 22 anos de existência. A direção é do ator Fernando Teixeira e conta com a direção de Roberto Cartaxo.
No início, A Paixão de Cristo era encenada no Teatro Santa Roza, construído há mais de cem anos na cidade, além de nove palcos ao ar livre. A produção paraibana já contou com vários artistas famosos na pele de Jesus, como Eduardo Moscóvis, o primeiro artista nacionalmente reconhecido na atuação do personagem, Marcelo Serrado, Marcos Palmeira, Dado Dolabella e, em 2004, Vladimir Brichta. Ao todo serão doze encenações da peça realizadas em catorze bairros da cidade.
Programação de A Paixão de Cristo em João Pessoa
18 de abril Sexta-feira Santa
19h – Ilha do Bispo – “Jesus: carne, espírito e luz”
19h – Róger – “Paixão de Cristo: uma história de amor”
19h – Cruz das Armas – “Vida, Morte e Ressurreição”
19h30 -Grotão – “Jesus, uma história de amor”
19h30 e 20h30 – Varadouro – “Dom do amor”
20h – Mandacaru – “Paixão de Cristo itinerante”
19 de abril Sábado Santo
19h – Roger - “Paixão de Cristo: uma história de amor”
19h - Cruz das Armas – “Vida, Morte e Ressurreição”
20h – Mandacaru – “Paixão de Cristo itinerante”
20 de abril Domingo de Páscoa
19h30 -Grotão – “Jesus, uma história de amor”
19h30 e 20h30 – Varadouro – “Dom do amor”

Programação da Arquidiocese em João Pessoa
18 de abril Sexta-feira Santa:
9h – Via Sacra na Catedral Basílica de Nossa Senhora das Neves, localizada na Praça Dom Ulrico, no Centro de João Pessoa.
12h – Ofício da Agonia
15h – Celebração da Paixão de Cristo seguida da Procissão do Senhor Morto
19 de abril Sábado Santo
19h – Vigília Pascal, na Catedral
20 de abril Domingo de Páscoa
6h – Santa Missa, na Catedral
9h - Santa Missa, na Catedral
18h - Santa Missa, na Catedral
19h15 - Santa Missa, no Colégio das Lourdinas

CAMPINA GRANDE
A cidade Rainha da Borborema distante 132 quilômetros de João Pessoa também conta com uma programação especial para as atividades religiosas. Até o Domingo de Páscoa fieis e padres da Arquidiocese vão participar de Mutirão de Confissões, Tríduo Pascal e outros.
Programação da Arquidiocese em Campina Grande
18 de abril Sexta-feira Santa
10h – Via Sacra na Catedral
11h – Celebração Penitencial na Catedral
12h – Ofício da Agonia de Jesus na Catedral
15h – Celebração da Paixão do Senhor na Catedral Dom Manoel Delson
16h – Procissão com a imagem do Senhor Morto saindo da Catedral
19 de abril Sábado Santo
8h – Ofício da Semana Santana Catedral
20h – Santa Missa da Vigília Pascal na Catedral Dom Manoel Delson – recomenda-se levar velas
20 de abril Domingo de Páscoa
8h30 – Missa Igreja do Carmo
10h – Santa Missa na Catedral – Dom Manoel Delson
11h30 – Batismo das Crianças
17h – Santa Missa na Catedral
18h – Santa Missa na Igreja de São Pio X
19h30 – Santa Missa na Catedral